Idina Menzel relembra gafe de John Travolta ao errar seu nome no Oscar

Lembram quando John Travolta chamou Idina Menzel de Adele Dazeem? Pois é, ela mesma não consegue se esquecer!

A cantora/atriz de 50 anos discutiu o assunto ao participar do quadro Carpool Karaoke com James Corden, quadro do The Late Late Show em que cantores recebem carona do apresentador até o estúdio enquanto conversam e cantam alguns de seus maiores sucessos.

Enquanto gravava o quadro com seus colegas de elenco do recém lançado Cinderela, Camilla Cabello e Billy Porter, Idina lembrou da situação, na qual Travolta, célebre ator de 67 anos de Grease, estava encarregado de introduzi-la ao palco quando “assassinou” seu nome completamente.

Ela relembra o acontecido e fala que nunca seria capaz de esquecer, inclusive afirmando que sua noite ficou completa “oito segundos após ele errar meu nome”:

“De primeira, eu senti muito por mim mesma, tipo a Meryl Streep estava lá [na audiência], esse era o meu grande momento e ele simplesmente c*gou meu nome

Idina Menzel e John Travolta no Oscar
Idina Menzel e John Travolta no Oscar (Reprodução)

A atriz comenta que não tinha muito tempo para se recuperar do choque do que havia acontecido, já que precisava entrar e cumprir sua parte, performando Let It Go, música tema da animação infantil da Disney Frozen.

“Eu só tinha oito segundos pra falar pra mim mesma, de primeira, eu senti muito por mim mesma. Daí, em oito segundos a banda começava, e eu estava tipo, ‘Se recomponha po**a, pare de se preocupar que ele errou o seu nome, canta pir*nha!'”

Como este episódio de Carpool Karaoke era formado pelo elenco de Cinderela, os colegas de cena de Idina, Billy Porter e Camilla Cabello, também estavam no carro, e comentaram sobre também se sentirem nervosos antes de performar.

Billy estimulou Menzel, afirmando que apesar do que aconteceu, a atriz se recuperou bem e ela “cantou, e cantou mesmo! Cantou muito! Eu estava lá!”

Vivian (Idina Menzel) em Cinderela (Reprodução)
Vivian (Idina Menzel) em Cinderela (Reprodução)

“Acabou sendo a melhor coisa que aconteceu”

A cantora falou do quanto se preparou para o momento, mas que acabou sendo pega de surpresa pela situação:

“Eu estava muito nervosa. Eu havia meditado para este momento, eu ia cantar para o meu filho pra trazer perspectiva para a performance e então aquilo aconteceu.”

Em retrospectiva, no entanto, Idina lembrou de forma diferente o que aconteceu. Quando Corden perguntou a ela como ela se sente sobre o ocorrido hoje em dia, ela afirma que foi “a melhor coisa que poderia ter acontecido”.

Porter até mesmo complementa falando: “quando ele errou o nome dela, eu falei: ‘essa mulher vai ter o nome reconhecido em todo o canto em 24 horas’. Tipo, eu queria que alguém errasse o MEU nome no Oscar, literalmente!'”. Ele continua dizendo que “a coisa que você acha que vai causar problemas, é aquilo que vai ser tornar AQUILO“.

Quando James perguntou se Menzel viu John depois do evento, ela finalizou o assunto dizendo:

“[Sim, e] ele escreveu tantos e-mails fofos de desculpas. Acho que ele voaria pra qualquer lugar só para compensar o que fez. Eu eu fiquei:  ‘não se preocupe, foi a melhor coisa que aconteceu!'”

A nova versão de Cinderela está disponível na Amazon Prime.

Veja mais ›