George Lucas pode retomar o controle criativo de Star Wars

George Lucas (Divulgação)
George Lucas (Divulgação)

Após ter vendido a sua franquia para a Disney, George Lucas perdeu o controle sobre Star Wars e parou de produzir as sequências por conta própria. Na negociação que aconteceu há mais de uma década, a empresa de Lucas faturou cerca de $ 4 bilhões de dólares.

No entanto, as decisões da Disney levaram o público e a imprensa a deduzir que o cineasta pode tentar  resgatar uma galáxia muito, muito distante e lutar contra o posicionamento meio tirânico de Kathleen Kennedy, ceo da empresa.

Durante esta semana rumores começaram a circular na imprensa de que  Lucas está determinado a financiar a terceira trilogia que ele imaginou em sua mente antes de vender a Lucasfilm para o reino do Mickey. Esta trilogia teve muitos detalhes do enredo e sobre personagens revelados ao longo dos anos.

De acordo com o portal  Doomcock  Lucas muito evidentemente guarda um rancor intensamente pessoal contra o tratamento que Kennedy deu à Star Wars. Porém, até o momento nada foi oficialmente declarado nem pela Disney, nem pelo próprio George Lucas, que é o maior interessado.

Baseando-se nos fatos concretos até o momento, seria muito difícil, senão totalmente impossível, para Lucas recuperar o controle criativo sobre a marca. Por um lado, ele não é o proprietário e não está tecnicamente sob contrato com o estúdio ou a produtora.

O papel de George Lucas neste ponto é o de criador e melhor conhecedor de Star Wars. Por isso mesmo ele aparece nos vários sets de vez em quando para dar uma olhada, oferecer conselhos sábios, entre outras coisas.

No entanto, ele poderia tentar comprar Star Wars de volta, mas se a Disney venderia um produto no qual tanto investiu não se sabe. Além disso, o CEO recém-chegado, Bob Chapek, também deixou perfeitamente claro para a imprensa que Kennedy comandará a Lucasfilm em um futuro próximo.

Star Wars na Disney

A Walt Disney Company adquiriu a Lucasfilm Ltd, incluindo a franquia Star Wars, em 2012. Desde lá até agora muitas mudanças aconteceram na franquia, e independente de agradar aos fãs ou não, foi a empresa que deu seguimento ao trabalho de George Lucas.

Desde então, vimos o lançamento de mais 3 filmes na saga principal de Star Wars, Rogue One: Uma História Star Wars, Han Solo: Uma História Star Wars, The Mandalorian, o LEGO Star Wars: Especial de Festas e a abertura de Star Wars: Galaxy’s Edge na Disneyland e Disney World.

Sou uma mulher que sempre sonhou em viver de escrever. Sou redatora especialista em cultura pop, cinema, streaming e TV. Você pode me encontrar no Twitter como @MoniquePop2.

Veja mais ›