Elenco de Heartstopper enfrenta homofóbicos em parada LGBTQ+

Elenco de Heartstopper participou da comemoração de 50 anos da Parada LGBTQ+ de Londres e enfrentaram homofóbicos.

publicidade

O elenco da série Heartstopper da Netflix, que inclui Kit Connor, Joe Locke, Kizzy Edgell, Corinna Brown, Tobie Donovan e Sebastian Croft, participou do aniversário de 50 anos da Parada do Orgulho LGBTQ+ de Londres no sábado (02).

Durante a celebração, os atores e outras pessoas enfrentaram alguns manifestantes anti-LGBTQ+ que estavam próximos ao desfile.

publicidade

Segundo relato da Variety, “o grupo de atores estava determinado a manter os procedimentos festivos, enquanto em um ponto a frente estava um grupo de manifestantes reunidos contra uma barreira policial. Os atores dançaram I Wanna Dance With Somebody de Whitney Houston que tocava nos alto-falantes do desfile”.

Uma briga aconteceu ao qual um participante da parada foi agredido por um manifestante homofóbico, alguns dos membros do elenco da série da Netflix foram proteger o participante agredido e levantaram o dedo do meio para o grupo anti-LGBTQ+.

Connor compartilhou imagens do incidente em seu Twitter oficial, elogiando Locke e Croft por se moverem bem na frente dos manifestantes.

“Eu estava gravando e gritando com eles, mas por favor, não se engane, não era ‘Kit Connor e o resto do elenco’, era [Joe Locke] e [Sebastian Croft] na frente e no centro. Por favor, dê-lhes crédito por fazer algo tão poderoso”.

publicidade

Locke também compartilhou imagens do incidente, escrevendo que ele “tinha que fazer [seu] trabalho corretamente”.

Kit Connor e Joe Locke na Parada do Orgulho LGBTQ+ em Londres (Reprodução)
Kit Connor e Joe Locke na Parada do Orgulho LGBTQ+ em Londres (Reprodução)

Saiba mais

publicidade

Heartstopper estreou em abril na Netflix, a série é baseada em uma HQ de mesmo nome escrito e ilustrado por Alice Oseman, e segue dois jovens que se apaixonam na escola.

Charles “Charlie” Spring encontra a chance de viver um grande amor através de Nicholas “Nick” Nelson, que está descobrindo que é bissexual.

Em uma entrevista para a Variety feita em maio, Kit Connor comentou sobre haver uma série como Heartstopper.

publicidade

“Ter um show onde você vê pessoas queer sendo felizes e estando juntas e unidas como um grupo, acho que há algo realmente bonito nisso. Eu acho que séries como Euphoria que são muito queer ainda são meio adultas de muitas maneiras porque são muito sombrias e corajosas. Eu acho que é muito importante ter uma série que apenas retrate o amor queer e a beleza queer”.

Heartstopper foi renovado para segunda temporada.

O que você achou? Siga @siteepipoca no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui.

Veja mais ›