Ela é o Cara l Amanda Bynes conta que sofreu disforia de gênero no papel

publicidade

A estrela de Hollywood Amanda Bynes, protagonista do filme de comédia romântica Ela é o Cara, sofreu de depressão e disforia de gênero durante as filmagens da longa. O filme foi um grande sucesso quando lançado em 2006.

Durante as gravações, Amanda passou grande parte das cenas vestida de homem e revelou que isso acabou mexendo com sua saúde mental e imagem pessoal.

publicidade

“Quando o filme foi lançado e o vi, entrei em profunda depressão por quatro a seis meses porque não gostava de como eu era quando vestia de menino”, revelou a atriz.

Ela é o Cara conta a história de Viola, interpretada por Amanda, que é uma excelente jogadora de futebol que sofre grande preconceito em jogar o esporte com os seus colegas do colégio.

Indignada, ela aproveita a viagem do seu irmão Sebastian, vivido por James Kirk, e decide se passar por ele para poder jogar no time de futebol masculino.

Viola tem duas semanas para mostrar o que sabe nos gramados, ela só não esperava se apaixonar por Duke (Channing Tatum), seu companheiro de quarto, que acha que ela é Sebastian.

publicidade

Uma das fãs da atriz comparou a sua experiência como uma forma de disforia de gênero. “Quando Amanda se viu vestida como Sebastian, ela descreveu a sensação como extracorpórea, imagine como as pessoas trans se sentem quando forçadas a um papel”, contou.

Amanda Bynes, que está com 35 anos, foi uma grande estrela entre os anos 1990 e 2000 e chegou até o seu próprio programa de TV na Nickelodeon, chamado O Show da Amanda.

publicidade

Ela também participou do elenco de All That e do game show Figure It Out. Em 2010 ela anunciou que iria se aposentar da carreira de atriz, depois de atuar em A Mentira, ao lado de Emma Stone e também em Passe Livre. Na época.

Vida pessoal

Amanda confessou que estava fazendo uso de drogas e abuso de álcool e que precisava cuidar da sua saúde mental.

A atriz começou a estudar moda e, em 2020 a atriz contou que estava noiva e grávida Paul Michael. Seu advogado posteriormente revelou que ela não estava grávida. Amanda Bynes também atuou em outros filmes como Tudo que uma garota quer, O Grande Mentiroso e Hairspray.

publicidade

Neste ano a atriz conta com o apoio da mãe Lynn Organ, para ajudá-la a cuidar das suas finanças – decisão que foi tomada devido o abuso de substâncias tóxicas.

Amanda Bynes em Ela é o Cara (Reprodução)

O que você achou? Siga @siteepipoca no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui.

Veja mais ›