Dragon Ball Super: Vilã de jogo se torna cânone no anime

Os primeiros minutos do filme Dragon Ball Super: Super Hero mostram que vilã que apareceu apenas nos jogos também faz parte do cânone do anime.

publicidade

Dragon Ball Super: Super Hero estreou no Japão e será lançado nos cinemas do resto do mundo a partir de agosto, e obviamente que alguns spoilers estão surgindo.

De acordo com o site ComicBook, uma foto retirada do filme mostra que a Android 21 se tornou cânone na história de Dragon Ball Super.

publicidade

Durante os cinco primeiro minutos do filme é mostrado um flashback sobre o Exército Red Ribbon, durante essa parte, Dr. Hedo é apresentado ao público, bem como um lista de vilões em forma de árvore genealógica.

Dr. Hedo é neto de Vomi, um nome dado à mulher que inspirou a Android 21. Acontece que a mulher era casada com Dr. Gero no cânone, e ela trabalhou com o Exército Red Ribbon algum tempo antes de Goku com os vilões anos atrás.

Depois que Vomi e Gero se casaram, eles tiveram um filho chamado Gevo, que se tornou o modelo do Android 16. No entanto, a mãe e o filho morreram em algum momento, o que levou Gero a recriar sua família como androides.

A Android 21 se inclinou para essa história de fundo quando ela foi apresentada em Dragon Ball FighterZ. O jogo seguiu ela enquanto juntava os restos do Android 16 na esperança de se reunir com o filho que ela se lembrava de ter como humana.

publicidade

As coisas dão errado quando a personalidade maligna da androide começa a lutar com seu lado bom, e a equipe de Goku deve lidar com isso.

Desde que Dragon Ball FighterZ apresentou a Android 21 aos fãs, muitos mostraram seu desejo de vê-la como cânone no anime. Agora o pedido foi realizado.

publicidade

Dragon Ball Super: Super Hero estreia no Brasil no dia 18 de agosto em versões dubladas e legendadas.

O elenco de voz japonês inclui Masako Nozawa (Gohan, Goku e Goten), Toshio Furukawa (Piccolo), Yūko Minaguchi (Pan), Ryō Horikawa (Vegeta), Mayumi Tanaka (Kuririn), Aya Hisakawa (Bulma), Takeshi Kusao (Trunks).

Além de Miki Itō (Androide 18), Bin Shimada (Broly), Kōichi Yamadera (Bills), Masakazu Morita (Whis), Hiroshi Kamiya (Gamma 1), Mamoru Miyano (Gamma 2), Miyu Irino (Dr. Hedo), Volcano Ota (Magenta) e Ryota Takeuchi (Carmine).

publicidade

O filme tem direção de Tetsuro Kodama e a história é do criador de Dragon Ball, Akira Toriyama.

O que você achou? Siga @siteepipoca no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui.

Veja mais ›