Diretor garante que fãs terão mais medo de Gorr do que de Hela em Thor 4

Vilão foi escolhido por ser ainda mais perturbador e ameaçador.

publicidade

Taika Waititi, que dirige Thor: Amor e Trovão, afirmou que Gorr, o Carniceiro dos Deuses é ainda bem mais assustador que Hela, personagem que Cate Blanchett interpretou em Thor 3.

Em entrevista ao site oficial da Disney, ele disse que, durante o processo de produção, ficou decidido que era necessário encontrar um vilão que fosse ainda mais ameaçador.

publicidade

‎”Precisávamos sair de Hela e encontrar um vilão que fosse de alguma forma ainda mais formidável. Então, descobrimos isso em Gorr, que é interpretado pelo notável Christian Bale.”, afirmou o diretor.

“Gorr sempre seguiu as regras, e, assim, quando percebe que foi traído pelos deuses, é tomado por uma raiva que atinge tal campo de febre que ele ganha um poder maligno e antigo, começando sua jornada para livrar o universo desses deuses, que não cuidam de seus habitantes.”, explicou Brad Winderbaum, chefe de streaming, animação e TV da Marvel Studios.

Pôster de Thor: Amor e Trovão
Pôster de Thor: Amor e Trovão (Reprodução / Marvel)

Detalhe do figurino de Gorr deixou Christian Bale totalmente desconcertado

O ator contou à Total Film que se assustou quando descobriu que o vilão usa apenas uma tanga em sua representação nos quadrinhos.

 “Você meio que diz: ‘Eu sei o que ele faz.’ Está bem ali no nome, não está? Mas eu cometi o erro de pesquisar no Google e, oh não! Nos quadrinhos ele usa uma tanga o tempo todo. E eu pensei: ‘Eles não contrataram o homem certo para isso!’ E então Taika Waititi rapidamente dissipou qualquer noção disso. Mas eu sempre pensei que ele poderia colocar isso na frente de uma tela azul. Ele poderia colocar em mim o que quisesse na pós-produção.”, afirmou o ator.

Chris Hemsworth precisou treinar ainda mais duro para o filme

publicidade

O ator contou, em entrevista, que o treinamento foi um dos mais intensos que ele já fez no MCU.

“Foi particularmente difícil porque o peso-alvo que era muito acima de onde eu tinha estado antes. Então, provavelmente, fiquei maior e mais apto do que qualquer outro momento da minha vida.”, explicou ele.

“Tive um ano inteiro em casa, apenas treinando e manipulando meu corpo. Tentamos mais natação, depois tentamos mais artes marciais, e ajustando calorias. Acho que foi exploração muito divertida.”

“Quando cheguei ao peso ideal, tive que segurá-lo por quatro meses, o que foi muito difícil. Eu gosto de malhar, é claro, e meio que se tornou um hobby agora, me permite viver uma vida inteira e brincar com meus filhos, surfar, e fazer todo tipo de coisas. Ao mesmo tempo, não gosto de malhar necessariamente para chegar ao tamanho do Thor, porque isso é brutal demais para meu corpo.‎”, avaliou o artista.

O que você achou? Siga @siteepipoca no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui.

Veja mais ›