Diretor confessa que desistiu de fazer MIB – Homens de Preto ‘reviver’

A franquia MIB – Homens de Preto nunca conseguiu realmente recapturar a grandeza dO filme original. No entanto, a terceira parcela definitivamente recebeu uma resposta mais calorosa do que a segunda, mesmo depois de trocar Tommy Lee Jones por Josh Brolin.

MIB: Homens de Preto Internacional foi um sucesso modesto de bilheteria em 2019 e reiniciou a franquia com Chris Hemsworth e Tessa Thompson. Infelizmente, a franquia acabou deixada no limbo.

O CBM entrevistou Barry Sonnenfeld, que dirigiu a trilogia original de MIB, e ele explicou o motivo para não voltar para franquia de ficção científica.

“Não, eu terminei com a coisa dos Homens de Preto, e tenho certeza que Tommy e Will também. Eles eram muito difíceis. Era muito complicado e havia muitos problemas com eles fazendo aqueles programas. Nós nunca combinamos os roteiros com os produtores e ficou cada vez menos divertido. O que é engraçado é que F. Gary Gray não dirigiu apenas MIB: Homens de Preto Internacional, mas ele também dirigiu Be Cool – O Outro Nome do Jogo, que foi uma sequência de Get Shorty. Eu brinco que F. Gary Gray é meio que meu diretor de sequência”.

Ainda na mesma entrevista, o diretor disse que nem ele mesmo entendeu o motivo de dirigir MIB 3: “Não sei por que fiz Homens de Preto 3. Em algum momento, você simplesmente não quer se manter voltando para o mesmo poço”.

Recepção da crítica

Confira o que os críticos comentaram sobre o primeiro filme de Homens de Preto:

“Uma combinação terrivelmente divertida de medos de conspiração alienígena usada para rir e as emoções de French Connection-Meet-Ghostbusters … Homens de Preto é tão divertido que alguém fica até um pouco desapontado quando termina após 98 minutos economicamente curtos” – David Hunter, Hollywood Reporter.

“Homens de Preto é o filme de efeitos especiais mais irônico, mais nítido e divertido de todos os tempos, um participante simultâneo e uma paródia zombeteira do gênero gigante more-bang-for-your-buck” – Paul Tatara, CNN.com.

“Homens de Preto merece crédito por complementar seus efeitos especiais com um roteiro alegre e performances genuinamente carismáticas de Will Smith e Tommy Lee Jones” – Stephen Thompson, AV Club.

“O que torna essa configuração incrivelmente criativa tão divertida é o contraste entre a aspereza impassível de Jones e Torn, e o ambiente espetacularmente estranho em que eles trabalham” – Rod Dreher, South Florida Sun-Sentinel.

“Os gremlins e as bugigangas são as verdadeiras estrelas deste show” – Leigh Paatsch, Herald Sun (Australia).

Veja mais ›