Diretor explica porque Jeff Goldblum foi cortado de Thor: Amor e Trovão

O famoso Grandmaster de Jeff Goldblum ficou de fora do novo filme.

publicidade

Estreando nos cinema há pouco menos de uma semana, Thor: Amor e Trovão resgatou alguns personagens de Thor: Ragnarok, mas para a surpresa de alguns fãs, o Grandmaster (Jeff Goldblum) ficou de fora.

Entretanto, durante uma entrevista para o Insider, Taika Waititi deixou a entender que Grandmaster, inicialmente, iria aparecer no filme, mas acabou tendo a sua cena cortada.

publicidade
Taika Waititi e Jeff Goldblum nos bastidores de Thor: Ragnarok (Reprodução)
Taika Waititi e Jeff Goldblum nos bastidores de Thor: Ragnarok (Reprodução)

Na sua entrevista, o diretor de Thor: Amor e Trovão comentou que sempre grava um filme tendo em mente uma certa quantidade de cenas que serão cortadas, durante a sua pós-produção.

“Eu escrevi a coisa toda, então cortar uma cena é um pouco um desafiador para si mesmo, porque pensa ‘Eu não sou tão bom assim? Eu deveria ter previsto isso?’. Mas todos os filmes que fiz eu provavelmente cortei a mesma quantidade de cenas. Quando você vai para a edição, uma cena por si só pode ser a coisa mais engraçada ou intrigante, mas às vezes no todo, só farão o filme parar. Então você tem que fazer o que é melhor para o filme.”

Jeff Goldblum em Thor Ragnarok
Jeff Goldblum em Thor Ragnarok (Reprodução)
publicidade

Então, o cineasta comentou que os atores presentes na cenas cortadas sabem como esse processo funciona, citando o nome de Jeff Goldblum.

“E se você perguntar a qualquer um desses atores que foram cortados – Jeff Goldblum, Lena Headey, Peter Dinklage – todos eles entendem como funciona. Eles estão no jogo há tempo suficiente. Mas é assim que eu vejo as coisas.”

publicidade
Cena do trailer Thor: Amor e Trovão
Cena do trailer Thor: Amor e Trovão (Reprodução / YouTube)

Embora não tenha revelado detalhes sobre as cenas deletadas, presumi-se que podem ter a duração da versão final de Thor: Amor e Trovão. Anteriormente, para o Collider, Waititi já havia dito que a versão original do filme tinha cerca de quatro horas de duração.

“Foram cerca de quatro horas. Estávamos falando sobre isso antes, sobre como você pensa no momento: ‘Esta é a melhor coisa que alguém já filmou na história de filmar coisas’. E então você entra na sala de edição e fica tipo, ‘Eu ainda gosto disso’. E então, depois de cerca de seis meses no filme, você percebe que era divertido no dia, mas não tem nada a ver com o filme”.

publicidade

Na ocasião, o diretor concordou com um comentário de Chris Hemsworth, afirmando que o filme saía da trama para “ficar 10, 15 minutos contando piadas”, algo que corrigido numa versão muito mais sucinta de 1 hora e 59 minutos.

Thor: Amor e Trovão está em cartaz nos maiores cinemas do Brasil.

O que você achou? Siga @siteepipoca no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui.

Veja mais ›