Criador de Big Mouth revela o maior perrengue que equipe passou ao reformular personagem

Missy em Big Mouth (Reprodução / Netflix)
Missy em Big Mouth (Reprodução / Netflix)

Jenny Slate emprestava sua voz para Missy na série Big Mouth e juntou-se a outros atores brancos na renúncia de interpretar personagens animados não-brancos.

Isso aconteceu durante o desenvolvimento da quarta temporada, o que gerou alguns contratempos. Mas logo Ayo Edebiri substituiu Slate no papel de Missy.

Em uma entrevista para o THR, o co-criador de Big Mouth, Andrew Goldberg, que também é a inspiração para o personagem Andrew (John Mulaney) no programa, falou sobre os desafios de reformular uma personagem no meio da temporada.

Questionado sobre como a reformulação de Missy aconteceu, Goldberg foi direto.

E então, na primavera, quando Black Lives Matter ganhou maior destaque, Jenny percebeu que já havia passado da hora de ela renunciar“.

“Nós a apoiamos e tivemos uma grande conversa com nossos escritores negros e alguns artistas negros. [Eles] todos concordaram que amaram o que Jenny fez e apreciaram o personagem que ela criou, mas que a coisa certa a fazer era abrir espaço para uma atriz negra representar o papel“, disse Goldberg.

A personagem realmente passou por uma modificação que pôde ser entendida como um amadurecimento e ainda descobrindo-se como mulher negra, algo que seus pais, um casal birracial, nunca tocou no assunto.

Então, já havíamos entregado toda a quarta temporada para a Netflix quando reformulamos Ayo no papel. A primeira pergunta era: há uma maneira de refazer toda a quarta temporada? E descobrimos que, do ponto de vista da produção, realmente não havia”, acrescentou.

Havia também apenas a questão criativa de, se tivéssemos [voltado e regravado as falas de Missy], Ayo teria que realmente replicar tudo que Jenny fez em termos de atuação durante uma temporada inteira, o que não era uma boa receita para um novo ator faça sua parte“, explicou.

“Estávamos bem em pedir a ela que fizesse isso por cerca de 20 linhas nos dois últimos episódios, mas pedir a ela para fazer isso por centenas de linhas parecia contrário ao que estávamos tentando fazer, que era entregar a parte para Ayo e dando a ela a oportunidade de torná-lo seu”.

Ou seja, como boa parte da temporada já havia sido feita, Goldberg não queria que Ayo Edebiri copiasse a atuação de Jenny Slater.

O resultado foi além da expectativa, pois conseguiram explorar mais a personagem, principalmente sobre crescer em sua identidade racial durante a puberdade.

Formado em administração e psicologia. Fez curso de desenho com especialização em cartoons. Adora videogame, animações e filmes e séries de super heróis e monstros.


SIGA-NOS E VEJA MAIS


Veja mais ›