Clube dos Vândalos explora estereótipos, paixões e violência de uma gangue de motoqueiros

Clube dos Vândalos é um filme de Jeff Nichols, estrelado por Jodie Comer, Austin Butler, e Tom Hardy. O filme é baseado em uma matéria jornalística de Danny Lyon, que registrou o cotidiano de uma gangue de motoqueiros de Chicago durante a década de 1960.

O filme explora como o clube de motoqueiros conhecido como Os Vândalos, criado por Johnny (Hardy), se tornou extremamente popular, até a sua queda. Ao longo da trama, são discutidos temas como paixões, sonhos, amizade, pertencimento, luta de gerações e masculinidade tóxica.

Kathy (Comer) é quem narra toda a história. Ela se envolve em um romance com Benny (Butler), que tem uma forte personalidade e um grande amor por andar de moto. Mas esse relacionamento vem com alguns atritos, e isso respinga em Johnny, que quer que Benny seja seu sucessor.

No entanto, o filme não se concentra apenas nestes três personagens, mostrando a vida de outros membros da gangue, por exemplo, como eram suas vidas antes de entrarem para o motoclube e o que desejam para o futuro. E é fácil de simpatizar com alguns deles.

O elenco é predominantemente masculino, e os atores são ótimos em revelar o lado bom e o lado ruim da masculinidade. As personagens femininas ficam em segundo plano, com exceção de Kathy, e como isso toda a carga emocional fica em Jodie Comer, que segura seu papel muito bem, principalmente no sotaque carregado.

Butler consegue manter um personagem que não demonstra sentimentos interessante. Enquanto Hardy consegue ser simpatico mesmo em um personagem sério e um tanto deprimido. Michael Shannon como Zipco rouba a cena com seus monólogos duvidosos, e Norman Reedus está irreconhecível como Sonny.

Clube dos Vândalos é uma história simples, mas ainda entrega grandes momentos e mantém o interesse do começo ao fim, seja pelas intrigas, um calmo passeio de moto, o sentimento real de amizade entre motoqueiros ou a reviravolta trágica no final.

E nosso veredicto de Balde de Pipoca foi:

O que você achou? Siga @siteepipoca no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui.

Veja mais ›