Austin Butler não estava preocupado em andar de moto sem capacete em Clube dos Vândalos

Austin Butler não se preocupava em andar de moto sem capacete em Clube do Vândalos até o dia em que caiu, admitindo que deveria ter ficado mais assustado. O filme, estrelado por Butler e dirigido por Jeff Nichols, retrata uma gangue de motociclistas dos anos 1960.

Eu deveria ter ficado mais assustado em uma motocicleta, provavelmente. Só quando eu caí, é que percebi que era possível. Isso, então, me deu um respeito saudável“, disse Butler em uma entrevista para Variety.

Butler interpreta Benny, o membro de uma gangue de motoqueiros que é influenciado por seu líder, Johnny, interpretado por Tom Hardy, enquanto Jodie Comer interpreta sua namorada, Kathy, que deseja que ele deixe o estilo de vida perigoso da gangue.

Comer revelou que a maioria das cenas em que ela estava na garupa da moto foram filmadas em um simulador por razões de segurança, pois os produtores inicialmente tiveram dificuldades em obter seguro devido à falta de uso de capacetes pelos atores.

Honestamente, na maioria das vezes que eu estava nela, estávamos em uma espécie de simulador por razões de seguro“, disse a atriz.

As cenas de moto no filme são autênticas, sem uso de CGI, com os atores pilotando sem capacetes. Apesar das precauções de segurança, o elenco estava ciente dos riscos, especialmente dado o estado das motos antigas.

O diretor acrescentou que ficou apreensivo em filmar as cenas de moto com os atores: “Não há CGI. Não tem filtro. Colocamos uma câmera e lente e eles subiram nas bicicletas e as montaram. Mas, sim, fiquei apavorado“.

Clube dos Vândalos é inspirado em um livro de fotos de 1967 de Danny Lyon sobre o Outlaws MC, um moto clube de Illinois. O filme chega nos cinemas no dia 20 de junho.

O que você achou? Siga @siteepipoca no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui.

Veja mais ›