Contratação de Michael J. Fox em De Volta Para o Futuro desagradou outro ator

publicidade

Christopher Lloyd, o doutor Emmett Brown de De Volta Para o Futuro, admitiu que ficou preocupado com o futuro do filme quando Michael J. Fox entrou para o elenco.

O ator de 83 anos fez uma retrospectiva de sua carreira numa entrevista para a revista GQ na última segunda-feira (31), e durante ela relembrou de quando o ator Eric Stoltz precisou ser dispensado da produção seis semanas depois que as filmagens tinham iniciado.

publicidade

Segundo Christopher, a substituição de Stoltz por Fox foi anunciada de madrugada, no meio das gravações das cenas do início do filme. A informação da produção era de que “eles precisavam de alguém mais engraçado”:

“Uma noite nós estávamos filmando a sequência do shopping do início do filme, e pediram para que a gente fosse até um dos trailers a uma hora da madrugada. [Steven Spielberg] estava lá e fez o anúncio sobre a troca.”

O ator já havia gravado uma série de coisas com Eric, e a sua preocupação maior era que suas melhores interpretações das cenas já tivessem sido “gastas” com o que já tinha sido feito. Apesar do medo inicial, a química entre ele e Michael foi melhor do que o esperado, revelou:

“O meu maior medo era que, porque eu estava realmente trabalhando muito para interpretar o Doc bem, eu pensei: ‘Eu não sei se eu terei a energia para refazer [todas as cenas já gravadas] de novo’. Então eu estava preocupado com aquilo. Mas no fim das contas, tudo funcionou do jeito que deveria. Michael, nós tínhamos uma química que durou o tempo inteiro. A gente poderia sair de férias e voltar depois do intervalo e a química ainda estaria lá.”

Fãs até hoje agradecem influência do filme

publicidade
De Volta para o Futuro
De Volta para o Futuro (Foto Divulgação)

Lloyd também comentou sobre o legado do filme, que até hoje lhe rende frutos na forma de elogios e depoimentos dos fãs. O ator contou que muitos adultos que lhe encontram dizem que a personagem do doutor Brown os inspirou a seguirem suas carreiras:

publicidade

“As crianças que viram quando o filme saiu pela primeira vez, cresceram e tiveram filhos que começaram as vidas com aquilo. Tantas pessoas vieram até mim para dizer como eu fiz parte da infância deles, ou o filme fez parte da infância deles, ou eles se tornaram engenheiros ou cientistas ou cirurgiões ou qualquer outra coisa por causa do efeito do filme neles.”

De Volta Para o Futuro está disponível na Netflix.

O que você achou? Siga @siteepipoca no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui.

Veja mais ›