Astro da Marvel foi rejeitado em Star Trek e Avatar: “desmoralizante”

Ator se questionou se realmente era capaz de fazer o trabalho

publicidade

O ator Chris Pratt conseguiu construir seu nome em Hollywood depois de estrelar duas grandes sagas de sucesso, como Guardiões da Galáxia e Jurassic World.

Entretanto, ele já perdeu dois papeis em sagas importantes como o Capitão Kirk em Star Trek, e Jake Sully em Avatar.

publicidade

Em uma entrevista ao Podcast Smartless, o ator comentou esse momento de sua vida.

“Eu sei que fiz pouco caso dos atores se sentirem rejeitados ou algo assim, mas não cheguei nem perto [de conseguir o papel em Star Trek].”

“Na verdade, eu até cheguei, mas não foi tão perto a ponto de ter sido realmente desmoralizante e me feito realmente questionar meu potencial ou o que eu deveria almejar como ator. Para ambos.”

Já na época em que fez audição para Avatar, ele estava completamente desorganizado emocionalmente e também se encontrava acima do peso devido ao uso constante de álcool.

A experiência não foi das melhores. Entrei e comecei a suar imediatamente, e tinha uma assistente de elenco. Ela apenas olhou para mim e pressionou gravar e começou a fazer suas coisas enquanto eu lia o texto com seu outro assistente de elenco. Eu vi que não havia literalmente nada na minha audição que fosse convincente.”, revelou o ator.

publicidade
Chris Pratt como Senhor das Estrelas / Peter Quill em Guardiões da Galáxia (Reprodução / Marvel)
Chris Pratt como Senhor das Estrelas / Peter Quill em Guardiões da Galáxia (Reprodução / Marvel)

Chris Pratt diz que Jurassic World: Domínio tem uma das cenas mais bonitas do cinema

O ator Chris Pratt falou, em entrevista, que a cena em que seu personagem persegue dinossauros a cavalo, Jurassic World: Domínio, é uma das mais belas que ele já viu.

publicidade

Ele elogiou a fotografia do filme dizendo que ela é como um crossover da série Yellowstone com Jurassic Park.

“Fizemos uma sequência, que para mim foi uma das coisas mais bonitas das quais eu não só participei, mas talvez que já vi em um filme. Esta é a cena onde Owen está perseguindo um bando de dinossauros a cavalo em Kamloops, Canadá. É para ser a América com neve. É tão lindo. É como se Yellowstone encontrasse um filme de dinossauros.”

A trama de Jurassic World: Domínio se passa exatamente quatro anos depois que a Isla Nublar foi completamente destruída.

publicidade

Agora, os dinossauros vivem e caçam ao lado dos humanos em todo o mundo.

Esse frágil equilíbrio remodelará o futuro e determinará, de uma vez por todas, se os seres humanos continuarão sendo os principais predadores em um planeta que agora compartilham com as criaturas mais temíveis da história.

O que você achou? Siga @siteepipoca no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui.

Veja mais ›