4 coisas em The Originals que não envelheceram muito bem

The Originals foi uma série amada por ser um spin-off mais maduro de The Vampire Diaries, seguindo personagens pelos quais os fãs já tinham grande afeto.

Mesmo assim, embora a série seja empolgante e tenha muita ação, ainda tem muitas coisas que o público poderia criticar facilmente.

Vampiros namorando adolescentes

Vampiros com mais de mil anos namorando colegiais é virou uma moda nos últimos anos, mas será que isso está certo?

Enquanto muitos dos vampiros de The Originals têm relacionamentos românticos com outros adultos, Kol Mikelson, por exemplo, acabou em um relacionamento com Davina Sinclair, que era só uma menina que ainda estava no colégio.

Esse conceito foi algo bastante criticado nos filmes de Crepúsculo também.

É compreensível que vampiros não consigam encontrar pessoas da sua idade facilmente, mas eles podem também namorar adultos e não adolescentes.

Klaus sendo abusivo com sua família

Klaus foi tão cruel com cada membro da família por tantas vezes que é quase uma surpresa que eles ainda se voltem para ajudá-lo quando ele precisa. Quando se trata dos irmãos, ele sempre demonstra ter um complexo de superioridade em relação a eles.

Ele constantemente tenta controlar suas vidas, e se eles não obedecem, ele os ameaça.

Um exemplo é quando ele se recusou a permitir que Rebekah ficasse livre de seus desejos e até mesmo a empalou quando descobriu que ela estava namorando Marcel.

Ele é excessivamente controlador de sua família, o que é algo bastante irritante e questionável.

Elijah (Daniel Gillies) e Klaus (Joseph Morgan) em The Vampire Diaries (Reprodução)
Elijah (Daniel Gillies) e Klaus (Joseph Morgan) em The Vampire Diaries (Reprodução)

A falta de diversidade entre os personagens

A CW já é famosa por não apostar em diversidade no elenco dos seus programas e The Originals não foge à regra. Dentre todos os personagens principais da série, Marcel é o único que não é branco.

Até houve outros personagens negros no programa, mas eles tiveram papéis bastante insignificantes e foram mortos, posteriormente.

Esse é um problema visto em The Vampire Diaries também, no qual Bonnie Bennett é a única personagem negra.

Os relacionamentos manipulativos

Além de Klaus manipulando sua família o tempo inteiro para conseguir o que deseja, havia muitos outros relacionamentos neste programa que giravam em torno de mentiras.

Um exemplo é quando Kol Mikaelson finge ser um aliado de Davina Sinclair quando, na verdade, ele só a estava usando para conseguir alguma vantagem de suas habilidades mágicas.

Mais tarde no show, Roman se aproveita da paixão que Hope sente por ele e a usa para ajudar sua mãe a se vingar da família da menina.

Veja mais ›