Produtora de Halo defende cena polêmica de penúltimo episódio

Ela também defendeu que as alterações que os fãs dos games tanto condenam tornaram a história melhor

publicidade

A primeira temporada de Halo, foi concluída na última quinta-feira (19), deixando muitos fãs irritados, em especial devido uma polêmica cena do penúltimo episódio, envolvendo o protagonista da série e dos jogos, que foi defendida pela produtora do programa, Kiki Wolfkill.

A cena em questão foge totalmente das histórias contadas nos jogos que inspiram a série, mostrando Master Chief mantendo relações sexuais com Makee, que, inclusive, é uma personagem que sequer existe no jogo, pois foi criada especialmente para o programa.

Durante uma recente entrevista para o site americano Deadline, a produtora falava sobre o fim da 1ª temporada e a renovação da série para uma 2ª temporada, quando foi indagada sobre a tal cena e a forte reação dos fãs dos games.

“Houve muita conversa sobre fazer isso ou não e foi difícil. Quero dizer que há muitas opiniões e vozes diferentes. Eu vou dizer da minha perspectiva, ter o público entendendo o que significa para ele fazer uma espécie de conexão humana com alguém, com Makee, foi importante”.

“Há muitas opiniões diferentes sobre como fazer isso e, finalmente, acabamos com esse caminho e acho que muitos de nós se sentem em conflito com isso e isso não é uma coisa ruim”, ela opinou.

publicidade
Master Chief e Makee em cena de Halo (Divulgação/Paramount+)

Ela explicou que todas as mudanças feitas na história foram com o intuito de ampliar o personagem principal, para mostrar que ele vai muito além do bom soldado e herói que os jogos mostram

“Acho que, em última análise, o que conseguimos entregar nesta temporada é um Master Chief que é totalmente o soldado, o herói e o líder que ele sempre foi e também deixamos a temporada com um personagem em John que é realmente um personagem totalmente definido”.

“É super interessante poder ver a jornada dele, e você sabe, algumas controvérsias ao longo do caminho para chegar lá”, ela ironizou.

Wolfkill pareceu até mesmo insinuar que se a série não tivesse realizado as alterações que fez, não teria conseguido construir uma história boa o suficiente para conquistar uma renovação para mais uma temporada.

publicidade

“Minha esperança é que todos possamos ir além disso e olhar para onde acabamos com Chief e com John entrando na segunda temporada”.

]’Acredito muito que temos uma história incrível para contar com ele e continuaremos a fazê-lo, e às vezes, como sabemos com a Silver Timeline, será diferente do que vimos antes. Mas quem ele é como personagem tanto como Master Chief quanto como John é totalmente o mesmo”, ela concluiu.

A 1ª temporada completo de Halo já está disponível no Paramount+.

O que você achou? Siga @siteepipoca no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui.

Veja mais ›