Presos por abuso sexual, atriz de Doutor Estranho e marido estão em isolamento na prisão

Uma fonte ligada à família da atriz, que atuou no filme da Marvel em 2016, revelou que ela foi colocada em isolamento porque estava a beira de um colapso nervoso

publicidade

Depois de ser julgada por abuso sexual infantil, Zara Phytian, atriz de Doutor Estranho, e o marido Victor Marke, estão presos e foram colocados em isolamento.

Segundo a vítima, que não quis ter a identidade revelada, os abusos aconteceram por três anos quando ela tinha apenas 13 anos de idade, e o casal a embriagava, e induzia a fazer várias obscenidades.

publicidade

O tribunal condenou a atriz de 37 anos a oito anos de prisão e, segundo informações do jornal Daily Mail, Zara foi colocada em uma ala isolada dentro da prisão Foston Hall, no Reino Unido.

O motivo que levou as autoridades a isolarem a atriz é para manter sua própria segurança, já que “estava a beira de um colapso nervoso”, destacou uma fonte próxima à família.

“Ela está muito mal e foi mantida em isolamento para sua própria segurança antes de transferida para uma cela individual. Os guardas estão fazendo verificações de hora em hora porque ela esteve perto de um colapso nervoso. Ela está chorando pelo telefone (com seu pai) e não está bem”.

Marido da atriz também foi condenado pelo mesmo crime de abuso sexual infantil

A vítima, que hoje já é adulta, decidiu procurar as autoridades e relatar todos os abusos que sofreu do casal, entre 2005 a 2008. Segundo ela, eles cometiam os crimes uma ou duas vezes por semana, e sempre ameaçavam a garota, o que a deixou coagida de denunciar anteriormente.

publicidade

O júri que acompanhou o caso em Nottingham, no Reino Unido, contou que Zara e Marke começaram os abusos quando o marido da atriz, que é empresário, era instrutor da vítima em uma academia de artes marciais.

A atriz de 37 anos, que participou do filme da Marvel em 2016 dava bebida alcoólica a adolescente e depois a convidada para fazer uma espécie de desafio obrigando ela a fazer sexo oral no marido.

publicidade

Em seu depoimento, a vítima estimou que sofreu esse tipo de violência cerca de 20 vezes ao longo dos anos e descreveu uma tatuagem que a atriz tem perto de suas partes íntimas, além de relatar que o casal também gostava de gravar as cenas do abuso.

Phythian e Marke foram culpados por 14 acusações de atividade sexual e Victor também foi acusado por mais quatro crimes de agressão a outra garota de quem ele abusou entre 2002 e 2003, quando ela tinha por volta de 15 anos.

O que você achou? Siga @siteepipoca no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui.

Veja mais ›