Pânico | Depois de polêmica com protagonista, novo filme ganha reforço no elenco

Novos personagens se unem aos sobreviventes do filme anterior e duas adições anteriores

publicidade

Depois da polêmica recusa de Neve Campbell para retornar em Pânico 6, o elenco do filme acaba de ganhar reforço com a adição de quatro novos personagens, que serão interpretados por Jack Champion, Liana Liberato, Devyn Nekoda e Josh Segarra.

Segundo o site americano Deadline o grupo acaba de assinar o contrato com a Paramount Pictures para possivelmente se tornarem vítimas do próximo Ghostface, ou até ser ele. Os papéis dos novos membros do elenco não foram divulgados.

O longa inclusive está tendo suas informações guardadas a sete chaves, com muito poucos detalhes tendo sido divulgados até agora, como a sinopse inicial que diz:

“A saga Pânico continua com os quatro sobreviventes dos assassinatos de Ghostface enquanto deixam Woodsboro para trás e começam um novo capítulo”.

Os quatro novatos se reúnem no elenco recém formado por Melissa Barrera como a filha ilegítima de Billy Loomis, Sam Carpenter; Jenna Ortega como a meia-irmã de Sam, Tara Carpenter; Jasmin Savoy Brown como a sobrinha de Randy, Mindy Meeks-Martin; e Mason Gooding como o irmão gêmeo de Mindy, Chad Meeks-Martin, além de Dermot Mulroney, que foi adicionado anteriormente.

O filme contará ainda com o retorno de Courteney Cox, como a personagem original Gale Weathers, e Hayden Panettiere, que retorna como a sobrevivente de Pânico 4, Kirby Reed, depois de um easter egg ter confirmado que ela estava viva em Pânico (5).

Devyn Nekoda, Jack Champion, Liana Liberato e Josh Segarra entraram para o elenco de Pânico 6 (Montagem E-pipoca/Reprodução/ Twitter)
publicidade

Quanto a Neve Campbell, a atriz confirmou recentemente em entrevista com o site americano Deadline que ela não retorna como a protagonista original Sidney Prescott devido o valor que lhe foi oferecido não estar de acordo com o que ela acha que deveria receber.

“Infelizmente eu não participarei do próximo filme de Pânico. Como uma mulher, eu tive que trabalhar duro demais na minha carreira para estabelecer meu valor, principalmente no que se trata de Pânico. Eu senti que a oferta que me fizeram não era igual ao valor que eu trouxe para a franquia”, ela explicou sua decisão.

A atriz admitiu que não está sendo fácil abrir mão da franquia, na qual ela protagonizou todos os filmes até agora, e agradeceu aos fãs pelo apoio.

“Foi uma decisão muito difícil seguir adiante. Para todos os meus fãs de Pânico, eu amo vocês. Vocês sempre foram apoiadores incríveis. Eu sempre serei grata a vocês e ao que a franquia me deu nos últimos vinte e cinco anos”, ela afirmou.

O que você achou? Siga @siteepipoca no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui.

Veja mais ›