Netflix revela que astro amado de Star Wars terá papel em Sandman

Ator emprestará sua voz a personagem

publicidade

A Netflix lançou o trailer de Sandman e surpreendeu os fãs com o anúncio de um dos atores mais queridos dos fãs de cultura pop: Mark Hamill. Conhecido por interpretar o papel de Luke Skywalker na franquia Star Wars, Hamill será o dublador de Merv Pumpkinhead na nova série da Netflix.

O ator já é conhecido por dublar outros personagens famosos, como o Coringa, na série animada do Batman.

publicidade
Mark Hamill em The Mandalorian (Divulgação)

Ator revela por que topou participar da série

O ator John Cameron Mitchell revelou que o principal motivo que o fez aceitar o papel em Sandman é que ele terá a oportunidade de cantar algumas músicas do clássico musical da Broadway, Gypsy, que já foi adaptado para os cinemas nos anos 1960 sob o título Em Busca de Um Sonho.

Ele também confessou que, apesar de um papel pequeno, aceitou fazê-lo e se divertiu bastante durante todo o processo de construção do personagem.

Agora, ele quer fazer Mama Rose nos palcos e afirmou:

publicidade

“Sandman é um pequeno papel de um elenco de milhares. O motivo pelo qual eu resolvi aceitar foi porque a personagem vai cantar músicas de Gypsy. Eu posso fazer a minha própria Mama Rose, três músicas do espetáculo, e agora eu quero fazer aquilo nos palcos.”

O ator tem 58 anos de idade e é um grande ativista da causa LGBTQIA+. Por isso, ele sempre deixou claro que deseja ajudar a comunidade queer a garantir a visibilidade que ela merece no mercado mainstream.

publicidade

Mitchell também fez críticas às escalações de Hollywood, que sempre colocam pessoas queer e negras em papeis estereotipados. Por isso, ele afirmou que espera ver a indústria do cinema evoluindo nesse aspecto.

Para o artista, pessoas podem ter várias facetas, boas e ruins, e todo mundo deveria poder expressar isso.

“O papel normal para o ator gay é o papel gay. Ele normalmente é o melhor amigo, ou o melhor amigo que dá as respostinhas inteligentes. A mulher negra e o homem gay sempre ganham um monte de papéis assim, como a pessoa confiante, que dá as respostas, que foi algo com que eu já paguei as minhas contas, mas chega uma hora que começa a cansar e ficar bem irritante.”, afirmou.

O que você achou? Siga @siteepipoca no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui.

Veja mais ›