Morte no Nilo tem lucro enorme em final de semana de estreia

publicidade

Um brinde de champanhe para encher o Rio Nilo!

O filme Morte no Nilo, dirigido e protagonizado por Kenneth Branagh, foi o número um em vendas de ingressos no final de semana de sua estreia.

publicidade

O filme é a segunda adaptação do mistério da autora Agatha Christie, e também é o segundo filme que Kenneth traz de volta as clássicas investigações de assassinato do detetive belga Hercule Poirot para o século 21.

A estreia de Morte no Nilo vendeu 12,8 milhões de dólares no final de semana somente nos Estados Unidos, de acordo com a Comscore.

O filme traz o investigador em férias no Egito em um navio a vapor que transita pelo famoso rio, quando uma morte a bordo que interrompe uma lua de mel faz com que o descanso vire trabalho de forma repentina.

Além de Kenneth no papel principal, o elenco traz uma série de outros grandes nomes como Gal Gadot, Emma Mackey, Russell Brand e Letitia Wright.

publicidade

A produção tirou a liderança do campeão em vendas no país na semana anterior, Jackass: Para Sempre, que ficou com a medalha de prata dessa semana, com pouco mais de US$ 8 milhões no final de semana, acumulando um total de mais de US$ 37 milhões até o momento.

Em terceiro lugar vem Case Comigo, comédia romântica de Jennifer Lopez, que também estrela Owen Wilson e o cantor Maluma. O filme vendeu “apenas” 8 milhões de dólares em ingressos no mesmo período.

publicidade

Mesmo em sua oitava semana em cartaz, Homem-Aranha: Sem Volta Para Casa também continua firme e forte no top 5 das bilheterias. Em quarto lugar na lista, o Cabeça de Teia ganhou mais US$ 7,1 milhões esta semana, acumulando um total de 759 milhões de dólares domesticamente.

Produção se queimou por trazer ator acusado de abuso em elenco

Armie Hammer em O Agente da U.N.C.LE (Reprodução)
Armie Hammer em O Agente da U.N.C.LE (Reprodução

Apesar do sucesso, Morte no Nilo teve sua dose de polêmica nas semanas precedendo a sua estreia. A controvérsia tem nome e sobrenome: Armie Hammer. 

publicidade

O ator, que possui papel de destaque no filme, está envolvido em um escândalo que o acusa de violência sexual contra suas ex, vício em sexo e canibalismo.

Uma de suas alegadas vítimas detonou os estúdios por saberem do escândalo e continuarem a promover o filme mesmo assim.

Segundo a Disney, que produziu o projeto, Armie foi mantido no filme porque ele aparecia em quase todas as cenas e seria muito complicado refilmar tudo.

publicidade

Morte no Nilo está em cartaz nos cinemas de todo o Brasil.

O que você achou? Siga @siteepipoca no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui.

Veja mais ›