Morre aos 79 anos, espião russo que inspirou série The Americans

publicidade

O ex-espião russo Mikhail Vasenkov, morreu aos 79 anos, no dia 6 de abril, sem ter a causa da morte revelada. Ele passou anos operando em segredo em Westchester County, no estado de Nova York.

Segundo o jornal New York Post, o homem, que se passou por anos por Juan Lazaro era também professor de ciências políticas, nascido no Uruguai e criado no Peru.

publicidade

Ele foi funcionário do serviço secreto russo e em 2010 foi descoberto e preso junto com sua esposa e mais nove agentes.

Segundo a publicação, as autoridades russas celebraram os serviços prestados por seu ex-funcionário em um comunicado oficial, dizendo que ele “criou residência ilegal que contribuiu com informações políticas valiosas, extremamente valorizadas pelo governo russo”.

Depois de um acordo entre Rússia e Estados Unidos, o homem foi entregue às autoridades de seu país natal junto com seus nove colegas, resultando na devolução de 10 agentes norte-americanos detidos em prisões russas.

Vasenkov também foi funcionário da KGB durante anos e posteriormente se formou como espião na União Soviética. Ele chegou a dar aulas de Ciências Políticas no colégio norte-americano Baruch College.

História de Mikhail Vasenkov inspirou a série The Americans

publicidade

Exibida entre 2013 a 2018 com seis temporadas no ar e vencedora de quatro prêmios Emmys, a história do espião russo inspirou a criação da série The Americans, que foi um grande sucesso na TV.

“Foi com certeza a inspiração para a série”, disse o criador e produtor-executivo do seriado Joseph Weisberg em entrevista à revista Time em 2013, ao ser perguntado sobre o caso de Vasenkov e seus colegas espiões descobertos vivendo nos EUA.

publicidade

Assista a seguir ao trailer da produção:

Esse conteúdo não pode ser exibido em seu navegador.

publicidade

A série foi lançada oficialmente no catálogo brasileiro do serviço de streaming do Star+.

A trama é ambientada durante a Guerra Fria e mostra a vida de dois agentes russos que fingem ser uma família americana normal, com um sotaque inglês impecável, ambos levam uma vida comum.

Phillip, vivido por Matthew Rhys e Elizabeth, vivida por Keri Russell, partem para uma missão, onde acabam se apaixonando e se casam. Juntos, eles cometem diversos crimes sem serem descobertos a princípio.

publicidade

The Americans conquistou diversos prêmios do Emmy, como Melhor Ator, Melhor Roteiro em série dramática, entre outros, além de dois Globos de Ouro e outros prêmios menores.

Atualmente todas as seis temporadas estão disponíveis no catálogo da Star+ e, mesmo não sendo tão comentada, é uma série aclamada pela crítica.

O que você achou? Siga @siteepipoca no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui.

Veja mais ›