Doutor Estranho 2 | Tudo o que você precisa saber para entender o novo filme

Eventos Nexus, Linha do Tempo Sagrada, Ramificações, participações especiais: relembre (quase) tudo o que aconteceu no MCU desde que o multiverso foi aberto

publicidade

Doutor Estranho no Multiverso da Loucura chega nesta semana aos cinemas, e como o título diz, envolve uma trama que trabalha multiversos, algo muito mais complexo do que o que foi explorado até a Fase 3 onde os heróis apenas protegeram a Terra contra extra-terrestres.

Com isso, há muito o que saber ante de assistir Doutor Estranho no Multiverso da Loucura, principalmente sobre o multiverso, que começou a ser explorado nos filmes do Homem-Formiga e em Vingadores: Ultimato. Confira um resumão do que aconteceu no MCU até Doutor Estranho 2:

O que é Multiverso?

publicidade
Benedict Cumberbatch em Doutor Estranho no Multiverso da Loucura (Reprodução / Marvel)

Existem diversas explicações para o que o multiverso, uma delas é sobre várias coisas estarem acontecendo ao mesmo tempo com versões diferentes de você.

Por exemplo, enquanto você está lendo este texto, há uma outra versão sua surfando, em outro universo, há uma versão sua que odeia o seu prato favorito, ou um universo onde você nem exista.

Mas para as produções da Marvel, neste caso o MCU, o multiverso se forma a partir de escolhas, que a principio parecem simples, mas causam grandes mudanças, além da viagem no tempo. Como diz O Vigia na série animada What If…?:

publicidade

“Espaço. Realidade. É um prisma de infinitas possibilidades, onde uma única escolha pode se ramificar em infinitas realidades, criando mundos alternativos daqueles que você conhece.”

Isso foi mostrado em Vingadores: Ultimato, quando Hulk (Mark Ruffalo) tenta explicar a viagem no tempo:

publicidade

“Mudar o passado não muda o futuro… Pense nisso. Se você viajar para o passado, esse passado se tornará seu futuro e seu antigo presente se tornará o passado, que agora não pode ser alterado por seu novo futuro”, diz o personagem.

Ou seja, quando os Vingadores viajaram no tempo no longa-metragem de 2019, eles não mudaram os acontecimentos do MCU, apenas criaram mais realidades paralelas.

Por isso matar Thanos ainda bebê não evitaria o massacre dele feito na linha do tempo principal, eles apenas criariam uma outra realidade em que Thanos foi morto por viajantes do tempo, dando inicio a uma nova série de eventos.

publicidade

Isso foi explicado inclusive na HQ Marvel Two-in-One #50 de 1979, em que Reed Richards, do Quarteto Fantástico disse o seguinte: “Qualquer mudança que você fizer no passado resulta em outra realidade – uma nova realidade, causada pela sua presença”.

Nexus

Variantes do Loki (Reprodução / Disney+)
Variantes do Loki (Reprodução / Disney+)

Na Marvel há os chamados Eventos Nexus, que são ramificações da linha do tempo original. Um exemplo disso foi visto através de Loki (Tom Hiddleston), que ao usar o Tesseract para fugir dos Vingadores em Ultimato criou uma nova linha do tempo, o que levou à série Loki do Disney+.

publicidade

Em Loki, o público conheceu a AVT (Autoridade de Variação do Tempo) uma organização fora da influência do tempo com o objetivo de impedir que mais eventos Nexus aconteçam e mantendo a “Linha do Tempo Sagrada” sem ramificações.

Ao longo da série, o personagem de Hiddleston se encontrou com várias outras versões de si, chamadas de Variantes, todas presas pela AVT por causar de eventos Nexus. Por fim, foi descoberto que havia muito mais sobre a criação da AVT do que aparentava, e um de seus objetivos mais ocultos era evitar um nova guerra multiversal.

Aquele que Permanece (Jonathan Majors) explica na série do Disney+ que descobriu a existência do Multiverso no século 31, aproximadamente ao mesmo tempo que outras versões de si mesmo em outras realidades. Mas havia versões dele que queriam o fim do multiverso.

publicidade

Um deles venceu a guerra, no caso, o grande vilão de Loki, e acabou isolando a linha do tempo principal e criando a AVT para evitar novas ramificações.

O Vigia

O Vigia em What If...? (Reprodução / Marvel)
O Vigia em What If…? (Reprodução / Marvel)

Os Vigias são seres onipresentes que como seus nomes explicam, vigiam o universo. Eles foram mostrados rapidamente em Guardiões da Galáxia vol. 2. Contudo, um Vigia (Jeffrey Wright) em especifico foi a estrela de O Que Aconteceria Se…?

publicidade

Com o multiverso aberto após os eventos de Loki, o público seguiu O Vigia observando as infinitas realidades, apresentando histórias alternativas de diversos heróis e vilões do MCU, entre eles estavam Ultron e Doutor Estranho.

Uma dessas ramificações mostra Ultron conseguindo as seis Joias do Infinito, e continuando seu plano de extinção, não apenas da Terra, mas de todos Universos. Também é mostrada uma versão do Doutor Estranho que usou magias proibidas para trazer sua amada de volta à vida, causado o fim de seu próprio universo.

O Vigia teve que quebrar seu próprio juramento de não interferir nos acontecimentos do universos e formar um equipe multiversal para impedir que Ultron destruísse todo as realidades existentes.

publicidade

Se a versão alternativa do Doutor Estranho (Benedict Cumberbatch) que aparece no trailer de Doutor Estranho no Multiverso da Loucura é de fato a que aparece em What If…?, há uma conexão inesperada entre uma série que aparentemente existia totalmente separada do MCU e a linha do tempo que o público vem acompanhando há duas décadas.

O trailer de Doutor Estranho 2 já mostrou outros personagens que possivelmente são de O Que Aconteceria Se…? como a Capitã Carter. Vale lembrar que se tratando de multiverso, pode ser outra versão ainda da Capitã Carter, assim como o Doutor Estranho citado acima.

Manutenção do multiverso

A chegada e Kang em Loki (Reprodução)
Aquele que Permanece (Jonathan Majors) em Loki (Reprodução / Disney+)

No final de Loki, Aquele que Permanece acaba morto, e como consequência ramificações começam a acontecer gerando novos universos. Mas outro ser poderoso no MCU que é capaz de criar universos: A Feiticeira Escarlate.

publicidade

Em WandaVision, Wanda Maximoff conseguiu criar uma realidade alternativa em que os habitantes de uma cidade passaram a viver dentro de sitcoms, ela inclusive conseguiu dar vida a um novo Visão e dar a luz à dois filhos. E passou por isso sem a intervenção da AVT.

No final de WandaVision é mostrada a protagonista usando seus poderes para derrotar sua inimiga e isso acaba “abrindo” o multiverso, em um momento em que Aquele que Permanece não pode intervir com a AVT pois está discutindo com Loki e Sylvie (Sophia Di Martino).

E há vídeos na internet sincronizando os eventos de WandaVision e Loki no momento em que o multiverso é aberto.

publicidade

Esse conteúdo não pode ser exibido em seu navegador.

A Feiticeira Escarlate parece ser a chave para resolver problemas multiversais, não só pelos eventos de WandaVision, mas por causa de sua Magia do Caos ser tão poderosa que é capaz de criar novos universos.

Além disso ela tem em seu poder o Darkhold, um dos livros de magia mais poderosos da Marvel, e a personagem vem estudando ele com persistência para ter seus filhos de volta.

Como citado, Doutor Estranho 2 parece ter uma conexão com What If…?, mas os eventos multiversais conectam o MCU a muitas outras produções anteriores da Marvel.

publicidade

Homem-Aranha: Sem Volta para Casa trouxe de volta personagens dos filmes do Homem-Aranha dirigidos por Sam Raimi e Marc Webb. Doutor Estranho 2 trará por exemplo, Professor Xavier (Patrick Stewart), da franquia de filmes dos X-Men.

Doutor Estranho 2 também apresentará a nova personagem America Chavez (Xochitl Gomez) que entre seus superdores está literalmente chutar portais para viajar para outros universos.

O que vem a seguir?

Doutor Estranho no Multiverso da Loucura terá muito conteúdo para explorar em apenas poucas horas de filme. Mas muitas questões são levantadas, como por exemplo, se os personagens que vem aparecendo vindo de outras produções agora são cânones no MCU.

E como as consequências deste filme afetarão os futuros filmes, afinal, Homem-Formiga e a Vespa: Quantumania explorará o Reino Quântico, lugar onde o tempo passa diferente do nosso mundo e foi a chave da viagem no tempo de Vingadores: Ultimato.

publicidade

Além disso, Quantumania terá Kang, o Conquistador, uma das variantes de Aquele Que Permanece, o que se pode especular que ele seja o grande vilão da Fase 4 MCU, assim como Thanos foi das Fases de 1 a 3.

Por fim, resta saber se após a saga multiversal a Marvel decidirá manter o Multiverso aberto ou desmanchará todas as ramificações e trabalhará em uma Linha do Tempo Sagrada novamente.

O que você achou? Siga @siteepipoca no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui.

Veja mais ›