Filme gigante, Jurassic World: Domínio teve muitos cortes, revela diretor

Colin Trevorrow, diretor do filme narrou as cenas deletadas da produção

publicidade

Jurassic World: Domínio chegou nos cinemas batendo um recorde dentro da franquia, como o filme mais longo com suas 2 horas e 20 minutos de duração.

publicidade

Segundo o diretor do filme revelou, poderia ser maior, já que a edição final cortou 15 minutos com cenas que agora ele descreve. Durante uma recente entrevista com o site americano Collider, Colin Trevorrow revelou o conteúdo de duas cenas que ficaram de fora do longa, entre elas uma das suas favoritas na produção.

“Há uma cena, e se as pessoas viram o filme vão identificar quando falamos sobre isso, quando estamos no mercado de clave âmbar, no mercado subterrâneo de Malta. Há uma cena em que nosso Lystrosaurus, que é o animal que acaba no ringue de luta, com Chris Pratt sentado ao lado de Kayla, tem uma briga com um Oviraptor”.

“E é honestamente uma das minhas coisas favoritas no filme, e não está no filme. Você terá a chance de vê-lo algum dia. Mas é apenas um daqueles momentos em que você pode dizer que, foi uma criança de 12 anos que teve permissão para fazer o filme, chegando e fazendo uma sequência. Então esse é muito legal”, ele afirmou.

Cena de Jurassic World: Domínio (Divulgação/Universal Pictures)

O cineasta contou mais uma cena que ele gostou muito, apesar de nem ter dinossauros nela, e acabou sendo cortado do longa também.

publicidade

“Há uma cena entre Ramsay Cole, o personagem de Mamoudou [Athie] e Louis Dodgson de Campbell Scott. Não há dinossauros nele. É só uma peça de atuação”.

“E são esses dois atores, alguém que está interpretando alguém que tinha grande confiança para este homem que se sente traído por ele e um homem que está revelando um lado de si mesmo que este homem mais jovem nunca viu antes”.

“E também contribui muito para entender as intenções de Biosyn quando se trata desse desastre ecológico, que foi criado em todo o mundo, os erros que foram cometidos e por que esse personagem realmente só se preocupa em encobrir seus erros e seguir em frente”, ele explicou.

Sobre, mesmo com o corte das cenas, o filme ter ficado bastante longo, o diretor garantiu que do jeito que Jurassic World Domínio foi produzido, o público nem sente que está na frente da tela por quase 2 horas e meia.

publicidade

“Acho que muitas vezes os filmes podem parecer um pouco longos. Então eu acho que é algo que todo mundo vai ter sua própria opinião sobre. Acho que o filme que temos se move de uma forma que não parece ser um filme de duas horas e 20 minutos”.

“E isso é o mais importante. Não é a duração do filme. É a experiência que você tem enquanto assiste e o ritmo dele enquanto assiste. Estou muito orgulhoso do filme. E ainda estou muito animado por termos mais coisas para compartilhar com as pessoas”, ele disse insinuando um corte do diretor o qual ele já tinha comentado anteriormente que poderia acontecer.

Jurassic World Domínio está nos cinemas de todo país.

O que você achou? Siga @siteepipoca no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui.

Veja mais ›