Astro de The Boys faz piada no Brasil com prato ‘exótico’: “Timothy brasileiro”

Artista está no país para divulgação da terceira temporada e deixou mensagem especial aos fãs.

publicidade

Para a alegria dos fãs, o elenco de The Boys chegou ao Brasil pra um evento que iniciou nessa segunda-feira (4) e deverá continuar acontecendo até a próxima quinta-feira (7).

Utilizando sua conta de Instagram, o ator Antony Starr, que interpreta o Capitão Pátria, deixou uma mensagem para o público brasileiro e ainda fez uma piada com o prato que estava comendo: um polvo.

publicidade

Na legenda das duas fotos que publicou, Starr escreveu:

“Estamos no Brasil. Estive aqui um tempo atrás, 2019, e eu simplesmente adorei e continuo adorando ainda. Brasileiros, vocês arrasam, e eu estou feliz por estar de volta. Ah! E o ‘Timothy’ brasileiro estava… delicioso!”.

Antony Starr como Capitão Pátria em cena de The Boys (Reprodução / Prime Video)
Antony Starr como Capitão Pátria em cena de The Boys (Reprodução / Prime Video)

A brincadeira com o polvo é uma referência a uma recente cena da terceira temporada envolvendo o Capitão Pátria e Profundo, interpretado por Chace Crawford.

publicidade

Na cena, o Capitão Pátria obriga Profundo a comer Timothy, seu amigo polvo, a fim de conseguir provar sua lealdade aos Sete e poder voltar a fazer parte do grupo.

Veja a publicação:

publicidade

Cena de sexo com polvo em The Boys foi inspirado em atração da Netflix

O ator Chace Crawford explicou como ideia surgiu.

“Eric [Kripke, o showrunner] estava assistindo ao documentário, que é muito comovente, e lembro dele ter dito: ‘E se houvesse desejos íntimos com esse polvo? Será que (Profundo) vai ter relações com esse polvo?’ Isso começou a passar pela mente dele, e no final, disse: ‘Isso vai ir para a sala dos roteiristas.’”

publicidade
The Deep (Chace Crawford) em cena comprometedora de Herogasm em The Boys (Divulgação/ Prime Video)

Erick Kripke comentou as cenas do Herogasm em entrevista

Durante uma entrevista que concedeu ao TVLine, o showrunner comentou:

“É provavelmente uma das horas mais gráficas da televisão convencional que acho que qualquer um já viu. Acho que você precisa realmente recorrer à pornografia para ver coisas mais gráficas”.

“Quando começamos a prepará-lo com Nelson [Cragg], o diretor, e ele estava nos mostrando o que havia planejado, eu fiquei pensando: ‘Uau , podemos mostrar tudo isso?’”.

“Checaram algumas coisas, e existem essas regras hilárias sobre quantas vezes você pode simular transar e se você pode ou não mostrar um pênis ereto e por quanto tempo você pode mostrar uma parte íntima. Existem todas essas regras, mas estávamos dentro dos limites das regras. Então a resposta foi que poderíamos mostrar isso”.

“Nós realmente queríamos dar grandes reviravoltas e grandes revelações porque não queríamos que fosse apenas como um episódio de Skinemax. Queríamos que todos pensassem; ‘OK, uau, este é um evento por várias razões’”.

O que você achou? Siga @siteepipoca no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui.

Veja mais ›