Astro de Shazam abre o jogo sobre colapso mental que teve e culpa família tóxica

O ator relatou que procurou por tratamento após batalha “ao longo da vida” com ansiedade e depressão

publicidade

No dia 28 de junho será lançado o livro de memórias de Zachary Levi intitulado Radical Love: Learning to Accept Yourself and Others. No livro, Levi contará entre outras coisas sobre como uma fase difícil de sua vida o ensinou a ter amor próprio.

Segundo o THR, em uma participação no podcast Heart of the Matter de Elizabeth Vargas, o ator comentou um pouco sobre seu livro e desabafou sobre um colapso mental que teve aos 37 anos.

publicidade

Atualmente Levi tem 41 anos, e relatou no podcast que ao longo da vida batalhou contra a ansiedade, depressão, baixa autoestima por conta do ambiente complicado que vivia e também por uma família abusiva cheia de grandes expectativas.

“Eu lutei com essas coisas a maior parte da minha vida. Eu não percebi que estava lutando com essas coisas até os 37 anos, cerca de cinco anos atrás, e tive um colapso mental completo”, explicou Levi, e acrescentou:

“A maior parte da minha vida, eu cresci em uma casa onde meu padrasto era um perfeccionista no mais alto nível, sua barra era tão alta, era impossível de alcançar e depois uma mãe que tinha uma personalidade limítrofe. Então, ela não tinha uma barra impossivelmente alta. Ela tinha um alvo impossível porque continuava se movendo. Qualquer um que conviva com personalidades limítrofes sabe”.

“Se eu chegasse em casa e minha mãe estivesse de bom humor, eu poderia dizer a ela: ‘Ei, eu não fui tão bem neste teste na escola’, e ela diria: ‘Ah, não se preocupe com isso. Haverá outro teste e podemos trabalhar nisso’, fosse o que fosse, mas se ela estivesse de mau humor, era o fim do mundo. Eu era uma vergonha para a família. Quero dizer, foi muito vitríolo, muita gritaria”.

publicidade

Levi relatou que com o tempo passou a ter problemas vícios como bebidas, drogas e até sexo, ao qual usava “para me entorpecer da dor da qual eu estava fugindo a maior parte da minha vida”.

Shazam (Zachary Levi) em SHAZAM! (Reprodução / DC)
Shazam (Zachary Levi) em SHAZAM! (Reprodução / DC)
publicidade

Foi então que a estrela de SHAZAM! decidiu mudar para Austin, no Texas, com um plano de construir um estúdio de cinema e encontrar um propósito para sua vida. Ele relatou que nunca se sentiu parte de um grupo e atribuiu isso a sua infância “nerd” e que era frequentemente intimidado.

Questionado por Vargas sobre como aconteceu o colapso mental, Levi respondeu que quando se mudou para Austin estava tendo problemas para fazer atividades rotineiras e se concentrar. O sentimento de desânimo misturado com auto-ódio e pânico criou uma cena emocional.

“Estou sentado no meu caminhão e, vividamente, lembro que estava segurando o volante e estava balançando para frente e para trás, quase tentando me livrar do que estava acontecendo, e estou apenas chorando. Eu só estou chorando. Eu dizia, ‘Deus, me ajude'”.

publicidade

Foi graças a sugestão de um “querido amigo”, que Levi procurou tratamento em uma ala psiquiátrica e passou três semanas em “terapia intensiva de mudança e salvamento de vidas”.

Superado os problemas, Levi agora é capaz de administrar uma rotina saudável, que envolve dieta, exercícios, sono, oração e meditação.

O que você achou? Siga @siteepipoca no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui.

Veja mais ›