Amber Heard estava rindo quando Johnny Depp a agrediu pela primeira vez

Agressão teria ocorrido após uma piada feita por Amber.

publicidade

Durante as últimas semanas, Amber Heard vem enfrentando um longo julgamento, acusada de difamação por ex-marido, o ator Johnny Depp. Mas, nas últimas audiências, a atriz e modelo tem revelado um suposto lado frio e violento de Depp.

Num longo depoimento, Amber detalhou para o júri a primeira agressão física cometida por Johnny. No tribunal, a estrela de Aquaman se comoveu e relembrou que estava sentada quando foi agredida por Depp primeira vez.

publicidade

A atriz contou que levou um tapa em rosto, momentos após fazer uma piada sobre uma tatuagem de Depp. Amber ainda afirmou que Depp teria usado cocaína, pouco antes de agredi-la.

Amber Heard em julgamento nos Estados Unidos
Amber Heard em julgamento nos Estados Unidos (Reprodução)

A tatuagem em questão se referia a então ex-mulher do astro, Winona Ryder. O desenho no braço do ator havia sido coberto e dizia” Wino Forever”, que antes era “Winona Forever”.

“Ele disse que significava ‘bêbado’ e eu pensei que ele estava brincando e eu dei risada. Em seguida, ele me deu um tapa na cara e eu ri, porque não sabia mais o que fazer. Achei que isso devia ser uma piada. Eu não sabia o que estava acontecendo. Eu apenas olhei rindo para ele, pensando que ele ia começar a rir também”.

“(Ele disse) você acha que é uma vadia engraçada, você acha que você é uma vadia engraçada? E ele me deu um tapa de novo. Não era mais uma piada. Eu parei de rir e apenas o encarei”.

publicidade

Ainda durante o seu depoimento, Amber se emocional ao relembrar as agressões de Depp e revelar “ser doloroso” reviver aqueles momentos outra vez. A atriz também chocou o júri ao detalhar algumas das agressões cometidas por Depp, que envolvem até um estupro com uma garrafa de vidro.

Um processo milionário

 

publicidade
Montagem com Johnny Depp e Amber Heard
Montagem com Johnny Depp e Amber Heard (Reprodução)

O julgamento das acusações de Johnny Depp deve durar pouco mais de cinco semanas. Nos Estados Unidos, o astro acusa a sua ex-mulher de difamações e pede US$50 milhões em indenizações.

Em sua defesa, Depp afirma que nunca agrediu Amber e cita um artigo publicado pela atriz no The Washington Post, em 2018.

publicidade

Na época, Amber comoveu a mídia, ao revelar que era uma sobrevivente de agressões domesticas. Mas, embora Heard não tenha citado o nome de Depp, a atriz deixou implícito que ele seria o seu agressor.

Desde então, o astro viu sua carreira se desfazer e perdeu papeis como o capitão Capitão Jack Sparrow e seu personagem na franquia de Animais Fantásticos.

O que você achou? Siga @siteepipoca no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui.

Veja mais ›